Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros representada ao mais alto nível no estrangeiro

Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros representada ao mais alto nível no estrangeiro

Amanhã, as seleções portuguesas de Kickboxing partem para Maribor, na Eslovénia, onde se vai disputar, entre os dias 23 e 30 deste mês o Campeonato Europeu da modalidade, promovido pela WAKO.

Entre a comitiva portuguesa, está o mestre Luís Durão, treinador da Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros e selecionador nacional nas disciplinas de velocidade, jogadas em tatami.

Com ele vão 2 atletas, um deles escolhido num estágio em Macedo de Cavaleiros.

reduzido 3

“É o Campeonato Europeu da WAKO, em disciplinas de velocidade. Estão em competição também as modalidade em ringue, representada pela devida Seleção.

Levamos dois atletas, que foram escolhidos ao longo dos estágios, um deles realizado em Macedo de Cavaleiros. Um dos atletas é açoriano, em 74kg, e um de Leiria, em -69kg.

Quanto às expectativas, estes atletas são bons, são os melhores de Portugal. Têm muita experiência, e alguma idade. É, provavelmente, uma das últimas oportunidades que vão ter. Queremos sempre elevar o nome de Portugal, é esse o principal objetivo, assim como melhorar as nossas participações, comparativamente aos últimos anos.

Claro, pensamos sempre em medalhas. Mas, para isso, é preciso fazer-se um trabalho de raiz, que em Portugal não se faz. Acreditamos, ou não iríamos, mas sabemos bem as dificuldades que vamos ter.”

A pressão, existe, como é natural, mas o palmarés português não a deixa demasiado elevada.

reduzido 3

“Pressão há sempre, até nos campeonatos internos. Mas, quando que o historial português de medalhas em tatami sénior é de cinco 5 ou 6, em toda a história do Kickboxing nacional, e a única medalha de prata é da nossa escola, as outras são todas de bronze, não sei se há muita pressão. A minha qualidade como treinador já está comprovada. Neste momento, não há nada a provar. Os atletas estão escolhidos, agora vamos os resultados que aparecem.”

No início de novembro, entre os dias 7 e 12, outra participação saída do concelho macedense, desta vez no Campeonato do Mundo da WKF, em Itália. O jovem João Pires tem 16 anos, e prepara-se para a primeira competição internacional da carreira. Vai competir em Light e Full Contact.

reduzido 3

“Estou um bocado nervoso, mas motivado. Tenho treinado para isto, e acho que estou preparado.

Tenho tentado ver os meus adversários, mas há muita pouca coisa na Internet, mas… venha quem vier.

Eu quero o ouro, é esse o objetivo. Vou participar em duas vertentes. Contento-me com medalhas, mas vou tentar o ouro. A nível nacional, a minha carreira tem corrido bem, considero-me um dos melhores, se não mesmo o melhor do país.”

As participações, saídas da Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros, rumo a campeonatos internacionais.


14718827_1585945651712650_5224398844416253129_n

Escrito por ONDA LIVRE

 

 

Relacionados

Comentar

css.php