É a maior equipa de sempre que parte para o Regional de Kickboxing

É a maior equipa de sempre que parte para o Regional de Kickboxing

É a maior equipa de sempre que parte para o Campeonato Regional do Norte de Kickboxing, que este fim de semana decorre em Guimarães.

A presença transmontana faz-se com 18 atletas, revela o treinador Luís Durão, repartidos entre a Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros e o Clube de Combate do Nordeste, sediado em Bragança.

reduzido 3

“É o Campeonato Regional, que serve de apuramento para o Campeonato Nacional. O primeiro e segundo classificados de cada categoria e de cada escalão ficam apurados para os Nacionais. E, obviamente, está em jogo um título regional.

Este ano levamos a maior equipa de sempre. São 18 atletas. É muito mais em relação aos último anos, onde levávamos 11 ou 12 atletas, no máximo. Temos a parceira que se mantém entre os dois clubes, e sendo assim estão os dois a trabalhar na formação. É muito mais fácil reunir mais trabalho do que há um ano, e assim conseguimos ter mais gente em competição.”

Uma equipa de 18 onde 7 são estreantes. E, a juntar ingrediente, campeonatos a este nível são sempre uma “carta fechada”.

reduzido 3

“Vamos competir em três disciplinas: Point Fighting, Light Contact e Full Contact.

É sempre difícil. Nunca sabemos o que vai acontecer, quem é que os nossos atletas vão apanhar… É uma carta fechada. Temos sete estreias também, o que torna ainda mais difícil. Vamos ver o que conseguimos trazer. Até por equipa, porque desta vez somos mais, e há mais alguma hipótese.”

Os novos combatentes podem não ser candidatos declarados a medalhas, mas Luís Durão acredita que possa acontecer.

reduzido 3

“O facto de o Clube já ter nome, ajuda bastante. Os adversários entram com outro respeito. Os nossos atletas prepararam-se durante mais tempo do que o que é habitual. Esperamos sempre cerca de um ano, e preparamos os atletas bem, para que quando eles entrarem as coisas não corram mal. Passa por aí o nosso sucesso.

Não procuramos o resultado desportivo em si, mas trabalhamos para ele. E no final as coisas acabam por acontecer. Os nossos atletas estreantes estão num nível muito bom. Embora eu diga sempre que não são candidatos a vencer as categorias, vamos trabalhar da melhor forma para que isso aconteça. Mas, o resultado desportivo não é o primeiro objetivo, para já.”

Este fim de semana, é o ataque aos lugares no Nacional de Kickboxing, que acontece em Guimarães. São 18 atletas transmontanos a participar, pela Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros e pelo Clube de Combate do Nordeste.

Entretanto, a Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros já tem as chaves da nova sede, no Bairro de São Francisco, e neste momento está a terminar de preparar o espaço para as sessões de treino.

Escrito por ONDA LIVRE

Relacionados

Comentar

css.php