Enfermeiros do distrito de Bragança juntam-se a manifestação, em Belém

Enfermeiros do distrito de Bragança juntam-se a manifestação, em Belém

No sábado, cem enfermeiros do distrito de Bragança participaram numa manifestação, em Lisboa, em frente ao Palácio de Belém, com o objectivo de serem recebidos pelo Presidente da República.

José Coutinho, coordenador da manifestação contou que a luta apenas começou.

 “Fomos a Lisboa, estivemos em frente à Presidência da República onde fomos recebidos por Marcelo Rebelo de Sousa. Apresentámos as nossas reivindicações, o Presidente da República diz estar solidário com a nossa luta e esperemos que possa interceder junto do Ministério da Saúde para que oiçam os enfermeiros. Nós quisemos deixar a mensagem de que a luta ainda agora começou.” 

 

Esta classe da saúde solicita mais contratação de profissionais e uma remuneração mais digna, como contou José Azevedo, presidente do Sindicato dos Enfermeiros.

“Desde o ano passado que temos um projecto colectivo de trabalho que veio reformular a carreira dos enfermeiros que foi destruída em 2009 e queremos, através de um acordo coletivo de trabalho, reparar este processo. Claro que nestas revindicações estão as avaliações, estão os concursos, as tabelas salariais, os horários de trabalho, as competências e funções.”  

A concentração foi organizada pelo Movimento Nacional de Enfermeiros e todas as estruturas sindicais, num dia em que foi decretada greve nacional até as 24h00.

Foto: Sindicato dos Enfermeiros Portugueses

INFORMAÇÃO CIR (Rádio Brigantia) 

Relacionados

Comentar