Escola de ciclismo de Macedo de Cavaleiros volta ao ativo em janeiro

Escola de ciclismo de Macedo de Cavaleiros volta ao ativo em janeiro

Depois de um ano parada, a escola de ciclismo do Clube de Ciclismo de Macedo de Cavaleiros (CCMC) volta ao ativo em janeiro de 2019.

Uma pausa que se deveu à falta de professor para os atletas, mas que agora será colmatada com um profissional das AEC’S (Atividades de Enriquecimento Curricular), cedido pelo Município, ao qual em fevereiro se poderá juntar outro docente, como explica Tiago Neto, vice-presidente do CCMC:

“Neste momento temos um professor das AEC’S acordado com o Município. Muito provavelmente, em fevereiro, poderemos vir a precisar de outro professor e passarmos a ter dois docentes na escola de ciclismo. São vários escalões e temos que tentar contornar algumas dificuldades. Ao estarmos com os pupilos e os benjamins, estar com os juvenis e os cadetes já é uma discrepância de idades enorme, e como tal temos que trabalhar de forma diferente nos vários patamares que temos. Possivelmente, os treinos vão ser ao sábado e precisamos de duas pessoas que os possam orientar e tomar conta deles.”

 

Até agora, há 15 atletas inscritos, entre os 5 e os 18 anos, e apesar das inscrições oficiais terem encerrado no final do mês de novembro, Tiago Neto deixa o convite aberto a todos aqueles que ainda queiram ingressar na escola de ciclismo:

“As inscrições encerraram mas se houver alguma criança/ jovem com interesse em participar, nós continuamos a admitir. Não podemos por isso dizer que as inscrições estão mesmo encerradas. Se alguém quiser vir, pode. Pusemos o prazo até ao mês passado apenas por questões burocráticas que têm de ser tratadas até ao início da época.”   

Para já, o Clube de Ciclismo de Macedo de Cavaleiros candidatou-se para receber uma prova do XCC Juvenil da Associação de Ciclismo de Bragança.

Escrito por ONDA LIVRE 

 

Relacionados

Comentar