Presidente do FC Carrazeda de Ansiães vai apresentar queixa contra o SEF

Presidente do FC Carrazeda de Ansiães vai apresentar queixa contra o SEF

O presidente do FC Carrazeda de Ansiães vai apresentar queixa contra os inspectores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), na sequência da detenção de oito jogadores estrangeiros, na quarta-feira, por permanência irregular em território nacional.

Carlos Carvalho considera que a actuação dos inspectores não foi a mais correcta:

“Eu próprio vou apresentar queixa contra o SEF, que invadiram casas sem terem mandado para esse efeito.”

Carlos Carvalho refere que já tinha apresentado a documentação para a obtenção dos vistos dos atletas e que aguardava por uma reunião com o SEF:

“No dia 30 de outubro demos entrada na plataforma do SEF, de toda a entrega da documentação deles. Depois esperávamos que fosse marcada uma reunião para nos dirigir-mos lá e os jogadores obterem o visto. Até à data, continuámos à espera. Agora tivemos uma surpresa, com vândalos a invadirem as nossas instalações. Levaram os miúdos para serem presentes ao juiz, este que os ouviu e mandou para casa, porque toda a documentação que tínhamos estava correta e legal.”

O presidente do FC Carrazeda de Ansiães considera que todo este processo não passa de uma perseguição ao FC Carrazeda, que diz estar a incomodar muita gente:

“O Carrazeda passou a ser um clube que incomoda muita gente. Não tínhamos quase nada e este ano temos quase todas as equipas a ocupar segundos e terceiros lugares. Começa a incomodar aqueles que estavam sempre habituados a ganhar. Temos que recorrer a jogadores estrangeiros porque não temos pessoal suficiente que possa ocupar os seniores que possa ocupar. Os clubes grandes da AFB querem derrubar-nos.”

O FC Carrazeda tem no total 22 jogadores estrangeiros nas equipas de juniores e seniores.

Quanto aos jogadores detidos foram ontem ouvidos no Tribunal de Vila Flor e ficaram sujeitos a termo de identidade e residência e apresentações periódicas na GNR.

Igual medida foi aplicada aos cinco jogadores do Carção, também detidos na quarta-feira, que foram ouvidos no Tribunal de Miranda do Douro.

Foto: Cortesia Susana Madureira

INFORMAÇÃO CIR (Rádio Brigantia) 

Relacionados

Comentar