Bairro da Alegria é a partir de hoje o lar de duas novas famílias com necessidades

Bairro da Alegria é a partir de hoje o lar de duas novas famílias com necessidades

O município de Macedo de Cavaleiros assinou esta tarde contratos de arrendamento com duas famílias carenciadas que, a partir de agora, vão passar a habitar em duas casas da autarquia no bairro social da Alegria, na cidade.
Uma ajuda que chega através da cobrança de valores de renda baixos, avaliados consoante o agregado familiar, como explica o autarca, Benjamim Rodrigues:

 

“São rendas adequadas ao rendimento do agregado familiar.

Das alugadas hoje, uma delas terá uma renda de cerca de 14,40€ e a outra anda na ordem dos 52€.

Há uma listagem de pessoas com agregados familiares carenciados, trabalhos precários e poucas fontes de rendimento, que se candidatam a estas casas.”

 

Nuno Silva, de 21 anos, é um dos novos moradores do Bairro da Alegria para onde se vai mudar com a companheira, de 19, desempregada, e uma bebé de poucos meses.
Uma ajuda que é bem-vinda no início de vida, diz:

 

“Ajuda porque estamos no início de vida, tivemos uma menina e ainda somos novos.

É sempre uma ajuda e é bom podermos ter o nosso canto.”

 

A outra moradia vai ser habitada por cinco pessoas: dois adultos de 44 anos e três filhos, tendo o mais novo 5 anos.
Mónica Carvalho, nova habitante desta casa, diz que também para ela esta é uma ajuda que vai aliviar o dia a dia:

“Sim, vai ajudar.

Eu já me tinha inscrito para alugar uma destas casas há oito anos mas ainda não me tinha sido atribuída.

Houve novas candidaturas , voltei a tentar e consegui.

Esta casa vai ajudar muito no nosso dia a dia.”

 

O Bairro da Alegria em Macedo de Cavaleiros tem 32 casas, todas elas propriedade da autarquia, com o fim de ajudar famílias em situação de carência.

Escrito por ONDA LIVRE

IMG_2649 IMG_1123

 

 

Relacionados

Comentar