Redução nas portagens para o transporte de mercadorias: incluídas estão autoestradas Transmontana e Marão, A23, A24 e A25

Redução nas portagens para o transporte de mercadorias: incluídas estão autoestradas Transmontana e Marão, A23, A24 e A25

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, anunciou a redução de portagens para o transporte de mercadorias nas antigas Scuts.

Está também previsto um desconto adicional de 25% para as empresas dos territórios de baixa densidade populacional.

Desde 2016, estava em vigor um regime que já apresentava uma redução do preço das portagens de 15% para o período diurno, entre as 8 e as 20 horas e de 30% nos restantes horários e fins de semana.

Desde 01 de janeiro, essa redução passou a ser de 30 e 50%, respetivamente.

Foi introduzido um regime alargado de desconto destinado aos veículos de transporte de mercadorias das classes de 1 a 4, afetos a empresas com sede e atividades em territórios de baixa densidade, explica o ministro Pedro Marques:

 “Para além de haver reduções adicionais em relação às que estavam em vigor, há um desconto adicional de 25% que só é aplicável a empresas localizadas nos territórios da baixa densidade. Para ter acesso a esse desconto adicional, as empresas vão fazer a sua candidatura nos serviços regionais do IMT ou no IMT online e vão poder declarar que têm pelos menos 50% dos seus trabalhadores a residir na baixa densidade. Esse desconto, no caso das empresas da baixa densidade, não será só para os veículos das classes 2,3 ou 4, mas também para os veículos de classe 1 desde que sejam de mercadorias.” 

Pedro Marques sublinhou ainda que, durante a noite, os descontos podem atingir 80%:

“Estamos a falar de descontos que, comparando com o preço das portagens antes de 2016 e sem qualquer desconto, essa redução para a utilização em período noturno pode chegar a 80% de redução. É muito significativo. É uma boa razão para que as empresas se fixem, ou aquelas que cá estão, perante uma decisão de novo investimento, não escolham fazê-lo noutra parte do território. Queremos manter e criar mais emprego aqui no Interior, contribuindo para isso com o regime de portagem.”  

O desconto no preço das portagens abrange, entre outras, as autoestradas Transmontana e Marão, A23, A24 e A25.

INFORMAÇÃO CIR (Rádio Ansiães)  

Relacionados

Comentar