Jovem escritor macedense apresenta amanhã terceiro livro em Macedo de Cavaleiros

Jovem escritor macedense apresenta amanhã terceiro livro em Macedo de Cavaleiros

João Pedro Baptista é transmontano de gema e lança agora o seu terceiro livro “Na Procura do Tempo”. Natural de Vale de Prados, no concelho de Macedo de Cavaleiros, tem 26 anos e começou a escrever desde muito cedo. Em 2015 lançou o seu primeiro livro, que foi o pontapé de saída para mais dois que haviam de vir, conta o próprio: 

“Eu comecei a escrever desde muito cedo, por volta dos 16 anos, mas o que escrevia acabava sempre por ficar na gaveta. Até que em 2015 lancei o meu primeiro livro, “O Jardim dos Enganos”, e posteriormente, em 2016, acabei por lançar um outro livro que tem a denominação de livro-objeto, muito peculiar em formato de frasco. Esta é a minha terceira obra, lançada agora em 2019, chama-se “Na Procura do Tempo” e acaba por ser um livro muito mais introspetivo que faz sobressair o tema do tempo e um pouco da nostalgia da infância. “

Livros na linha da poesia, embora este último tenha também alguns trechos de prosa. Uma obra que fala do tempo, e que se remete bastante ao que é passar a infância em Trás-os-Montes:

“Revejo-me muito mais neste livro comparativamente com os outros. É uma obra que dá para encaixar com várias pessoas da minha idade e com os próprios transmontanos, pois relata aquilo que é passar a infância numa aldeia nesta região, o que acaba sempre por ser diferente da do transmontano que a vive em espaços mais urbanos. “

Quanto às críticas, desde o lançamento do primeiro livro, têm sido positivas. João Pedro admite que tem conseguido conquistar novo público, o que o deixa satisfeito:

“Tenho recebido um bom feedback daqueles que são meus leitores, que já me conhecem e costumam sempre ler as obras que publico. No entanto, também o tenho recebido de novos leitores, novo publico que vou criando, até pelas amizades e pelas pessoas que vou conhecendo, mas também, surpreendentemente, por parte de pessoas que não conheço, e que por acharem o livro apelativo, acabam por comprá-lo. “

No sábado, no Centro Cultural de Macedo de Cavaleiros, às 21h00, acontece a apresentação oficial do livro “Na Procura do Tempo”, numa noite que, segundo o autor, reserva muitas surpresas.

Escrito por ONDA LIVRE

Relacionados

Comentar