Smart Travel: americana Natalia Olson-Urtecho defende que cidades como Bragança têm muito a ganhar com o mundo inteligente

Smart Travel: americana Natalia Olson-Urtecho defende que cidades como Bragança têm muito a ganhar com o mundo inteligente

Olhar para os prós e os contras da tecnologia e da inteligência artificial e criar um manual de ética é um dos desafios para os próximos anos. Foi o que defendeu em Bragança, no Smart Travel, Natalia Olson-Urtecho.

A Inovação e a ruptura tecnológica nas cidades e negócios foram temas da apresentação da empresária, que integrou a administração do governo de Barack Obama. Na passagem por Bragança, alertou que é necessário criar confiança no que respeita às inovações tecnológicas e estabelecer um padrão de comportamento e de ética para estas áreas:

“É importante falarmos de ética, porque não temos um padrão de ética, e acho que na inteligência artificial temos de criar uma nova norma ética, uma espécie de juramento de Hipócrates, algo que diga: “estas são as regras, o que podemos ou não fazer” e não temos isso. Esse é um grande desafio para os próximos anos, como criamos esse padrão de comportamento e de ética.”

Natalia Olson-Urtecho destacou que a inovação nesta área ultrapassou o que se imaginava na última década e que por isso tem de haver um equilíbrio entre a tecnologia e a cidadania.

A eficiência foi uma das maiores vantagens da revolução tecnológica e um dos aspectos mais destacados na intervenção da norte americana, que acredita que as cidades mais pequenas como Bragança têm muito a ganhar neste mundo inteligente:

“Com a tecnologia, as pessoas foram para as grandes cidades porque não havia acesso nem comunicação. Mas agora porque se consegue trabalhar de qualquer lugar, podemos criar novas oportunidade de negócio, como para pessoas que querem fazer programação aqui, podem fazê-lo de qualquer parte, ou criar um negócio e vender para qualquer lugar do mundo. Acho que a tecnologia ajudou mais as cidades pequenas, porque ajuda a não perder habitantes por não haver emprego.”

O Smart Travel decorreu pelo sexto ano consecutivo e trouxe até Bragança oradores nacionais e internacionais que falaram sobre cidades e turismo inteligentes.

Foto: smartravel.pt

INFORMAÇÃO CIR (Rádio Brigantia)

Relacionados

Comentar