Processo para inscrever Rituais de Inverno no registo nacional está a arrancar

O processo para inscrever os Rituais de Inverno nos inventários nacionais está já a arrancar. No calendário de 2016, há iniciativas previstas neste sentido, conforme revelou António Ponte, Diretor Regional de Cultura do Norte.

reduzido 3

António Ponte frisa que não se pretende inscrever todos os Rituais de Inverno em conjunto, até porque, de acordo com a legislação, que cada um tem de efetuar um registo individual. Não é uma homogeneização das festividades, mas uma maneira de ganhar escala.

reduzido 3

E essa escala serve depois a nível internacional, numa posterior candidatura à UNESCO.

reduzido 3

Neste processo, os Caretos de Podence são os mais adiantados, ao terem já apresentado candidatura a Património Cultural Imaterial português.

Escrito por ONDA LIVRE