ADCMC celebra 10º aniversário

10 anos de crescimento e sacrifício.

Palavras recorrentes, ontem à noite, no aniversário da Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros, que comemora uma década de existência.

Além de um treino diferente, onde foi contada a história da associação, o fundador e treinador, Luís Durão, que também já desempenhou o papel de presidente, foi homenageado pela atual direção e pelos atletas.

Uma surpresa.

reduzido 3

“Não estava à espera.

Acompanhei a Associação desde o início, criei-a. Estou ligado a ela e à história dela. Claro que é bom ser reconhecido pelos meus atletas. É algo único.”

Luís Durão faz um resumo dos melhores momentos vividos pela associação até agora.

reduzido 3

“Em relação aos melhores momentos, tivemos em 2010 a medalha de prata do Franklin Fernandes, em 2013 a medalha de bronze da Clícia Queiroz, no campeonato do mundo. 9 títulos mundiais numa federação internacional, diferente  da que estamos habituados a participar. E os títulos conquistados por equipas, a nível regional e nacional.

Mas, penso que o melhor é mesmo ter esta gente toda a meu lado. Isso vale a pena. À parte dos resultados desportivos, é o principal.

O que falta? Muita coisa, é esperar para ver.”

Angelina Silva é a atual presidente. Está ligada à associação há cerca de 9 anos, e diz que, cada vez mais, se sentem reconhecidos pelo trabalho desenvolvido.

reduzido 3

“É verdade que passamos por muitas dificuldades. Cada obstáculo que fomos passando, deixou mais garra de lutar, mais vontade de mostrar o nosso trabalho.

Agora, felizmente, temos apoio da Câmara Municipal, como as nossas deslocações às provas, a nova sede que está a ser construída. Temos outro apoio e outra visibilidade que não tínhamos.

Estamos a crescer.”

Tânia Afonso, João Pires, Ali Turco, Filipe Fernandes e Clícia Queiroz, são atletas da Associação de Desportos de Combate. Alguns lutam há 4 anos, outros integram o projeto desde do início, mas com sentimentos semelhantes.

reduzido 3

Tânia Afonso: Consegui apanhar todo o crescimento da Associação. Todos os campeonatos, todas as batalhas que o mestre Luís Durão enfrentou. Tenho muito orgulho, para mim é uma segunda família.”

João Pires: Tem sido muito positivo. Tenho acompanhado alguma da evolução, e eu também tenho evoluído. Vim de outra equipa e tenho visto que há uma grande diferença, e que somos a melhor equipa.

Ali Turco: Também sou estou há 4 anos, como o João. Tive sempre a crescer, com a ajuda do mestre, aprendi muita coisa.

Filipe Fernandes: Quando entrei, tinha curiosidade pela modalidade. Experimentei e fiquei a gostar cada vez mais. Gosto do ambiente que se vive, de família, acolhedor. Além desse ambiente, todo o nosso sacrifício e a nossa luta, dava vontade de ir cada vez mais além. E para mim é um orgulho estar aqui a celebrar estes 10 anos.

Clícia Queiroz: Faço parte da Associação desde o início. O meu momento mais alto foi a conquista da medalha de bronze no Brasil. Agora estou parada, porque fui mãe, mas pretendo voltar, claro.

A Associação de Desportos de Combate de Macedo de Cavaleiros a celebrar 10 anos de existência. As atenções estão agora focadas nos campeonatos regionais, marcados para Junho.

Em breve, a associação vai ainda mudar de instalações, visto que o espaço que agora ocupam vai dar lugar a um futuro call center. O último treino nas “velhas” instalações é dia 19 deste mês.

Luís Durão, o homenageado da noite, tem outro projeto em curso, o Clube de Combate do Nordeste, em Bragança, onde já se preparam novos atletas para competição.

reduzido 3

“Estamos a trabalhar desde janeiro, com 3 turmas lotadas. Estamos a preparar novos atletas para competir.

Ao todo, são cerca de 70 atletas, entre Macedo e Bragança.”

É que, segundo Luís Durão, cada vez mais pessoas querem praticar kickboxing.

reduzido 3

“Sim, muitas mais pessoas.

As mentalidades abriram-se, acabaram-se os maus exemplos.

As pessoas viram que não é violento. E queremos formar atletas não só nos desportos de combate, como dar-lhes princípios e ajudá-las a crescer.”

Luís Durão, que é também Selecionador Nacional Sénior nas disciplinas de Kick Light, Light Contact, Point Fighting e Formas Musicais.

Escrito por ONDA LIVRE