Caminhada fotográfica “Caminhão” adiada para dia 29 de setembro

Caminhada fotográfica “Caminhão” adiada para dia 29 de setembro

A Associação de Municípios do Baixo Sabor informa que a atividade “Caminhão” que se iria realizar este sábado, dia 4 de agosto, com início em Santo Antão da Barca, Alfândega da Fé, será adiada para dia 29 de setembro, data sujeita ainda a confirmação, devido à onda de calor prevista para os próximos dias.

Em comunicado, a associação lamenta “quaisquer incómodos causados pelo facto, não poderia a organização ignorar as orientações das autoridades sobre a matéria apesar da mobilização e envolvimento da população e organizações do território, que atestam bem a capacidade de realização e a participação de todos quando se trata de promover o desenvolvimento da nossa região.”

De lembrar que um dos objetivos desta atividade é conseguir entrar para o Guinness com o maior número de selfies em cadeia, recorde esse que atualmente pertence à China com cerca de 1000 fotografias. Além deste feito, a iniciativa inclui ainda vários passeios e visitas guiadas entre os quatro municípios do Baixo Sabor, ou seja, Macedo de Cavaleiros, Alfândega da Fé, Mogadouro e Torre de Moncorvo, assim como degustações gastronómicas e animação musical. Os participantes já inscritos mantêm a inscrição.

Esta é uma atividade inserida no conceito dos “Novos Lagos do Sabor” que surgiu como uma forma de promover os cerca de 70 km navegáveis nos quatro grandes lagos presentes naqueles municípios, assim como toda a envolvente natural e cultural, como explica Nuno Gonçalves, Presidente da Associação de Municípios do Baixo Sabor:

“Os lagos do Sabor foi o surgir de uma nova realidade neste território de quatro municípios. Trouxe-nos a possibilidade de encarar o slogan que a própria associação de municípios tem, que é a ideia de “navegar na montanha”. É um território magnifico e que estando na montanha tem os lagos aos seus pés. Em todos estes quatro lagos queremos contruir infraestruturas. “

Infraestruturas que já têm projeto e que o presidente daquela associação de municípios espera que sejam uma realidade já no próximo quadro comunitário de apoio:

“Queremos colocar em cada um dos lagos uma piscina, um anfiteatro ao ar livre, podermos ter ainda casas palafiticas e um barco que poderá ser conduzido pelas próprias pessoas ou por um condutor. Teremos embarcações com realidades aumentadas nas quais se pode conhecer a fauna e a flora e até vestígios que, com esta construção da Barragem do Sabor, ficaram no território. Desta forma conseguimos ter contacto com a natureza sem perturbar o sossego das espécies.  Tudo isto é um conjunto de oportunidades que estes quatro municípios querem pôr ao dispor do turismo, não só do nosso território, mas a nível nacional.

Já existe o projeto e já foi apresentado. Há um plano sustentável para os Lagos do Sabor e esperamos que este novo Plano Nacional de Ordenamento conste do próximo quadro comunitário de apoio, para que o projeto para estes lagos sejam uma realidade.”

O “Caminhão”, a mega caminhada fotográfica que tem como objetivo conseguir o record do Guinness de selfies em cadeia e promover as potencialidades dos municípios do Baixo Sabor, fica assim adiado para o dia 29 de setembro devido ao calor.

Escrito por ONDA LIVRE

Relacionados