Mesas de Vila Real e Mirandela são duas das sete maravilhas de Portugal.

Mesas de Vila Real e Mirandela são duas das sete maravilhas de Portugal.

A gala de eleição decorreu ontem em Albufeira, no Algarve.

No que respeita à vitória de Vila Real, que na mesa destaca os famosos e únicos covilhete, a carne maronesa e as tripas aos molhos acompanhados pelos vinhos da adega de Vila Real, não esquecendo o circuito internacional, o Palácio de Mateus e a paisagem que enriquecem a componente gastronómica.

Rui Santos, o presidente da Câmara, acrescenta que a vitória da Mesa de Vila Real é a consequência de uma estratégica que a autarquia vila-realense tem vindo a realizar na promoção da região, afirmando-a como um destino turístico e gastronómico:

“Julgo que tudo isto permite afirmar Vila Real como destino gastronómico, de eventos e da área de património. Isto trará também potenciais investidores na área do turismo, tendo eu a expectativa de que, toda esta promoção gerará investimento e em consequência mais postos de trabalho, e desenvolvimento.

Conto para breve, poder anunciar aos Vila-Realenses, alguns bons resultados deste trabalho ao nível do investimento na área de turismo.”

 

Quanto à segunda mesa transmontana vencedora, a “Maria Rita do Romeu” de Mirandela, na qual se destacam os

Tostadinhos “Alheira de Mirandela”, o Bacalhau à Romeu como prato de peixe e, como prato de carne, a Sopa Seca, é também um reconhecimento que deixa os mirandelenses orgulhosos.

Sete anos depois da alheira de Mirandela ter sido eleita uma das sete maravilhas da gastronomia portuguesa, agora o concelho mirandelense volta a ser reconhecido, o que deixa naturalmente satisfeita a autarca de Mirandela, Júlia Rodrigues:

“Somos um território maravilhoso e ir à final e ganhar outra maravilha para o nosso concelho, deixa-nos muito orgulhosos.”

Mas afinal o que pode esta distinção trazer de mais-valia para o território.

“Vai depender da estratégia que nós utilizarmos, juntamente com o Maria Rita, com as entidades promotoras, acima de tudo das medidas que adotarmos para a promoção do território, e conseguirmos fins turísticos que sejam uma mais-valia para todo o concelho. Vamos aproveitar, sem dúvida, a marca sete maravilhas para esta dinamização do território.”

Nesta finalíssima, transmitida em direto pela RTP1, estavam 14 mesas a votação, entre elas cinco transmontanas: Mirandela, Bragança, Chaves, Vila Real e Alijó.

Apenas duas, Mirandela e Vila Real, foram premiadas, juntando-se às mesas de Albufeira, Lajes do Pico, Monção, Terras de Chanfana e da Bairrada ao Mondego.

INFORMAÇÃO CIR (Universidade FM/ Rádio Terra Quente)

Relacionados

Comentar