Feira dos Gorazes 2018 com maior aposta no setor primário e nos produtos endógenos

Feira dos Gorazes 2018 com maior aposta no setor primário e nos produtos endógenos

Até terça-feira, decorre em Mogadouro mais uma edição da Feira dos Gorazes.

São 150 os expositores presentes, num certame que este ano faz uma maior aposta na promoção do setor primário e dos produtos endógenos, como referiu o presidente da câmara, Francisco Guimarães, esta sexta-feira à margem da cerimónia de inauguração da feira:

“A aposta no setor primário era obrigatória.

Por isso, este ano decidimos dar uma ênfase diferente à feira, e dentro do que são os espaços cobertos, introduzimos tudo o que está relacionado aos produtos endógenos pois o que nos interessa é mostrá-los e motivar os visitantes a adquiri-los. Para mim, estes são mesmo os melhores produtos do país.

Ao longo destes dias de feira estão reunidas todas as condições para ser um bom certame. Temos uma mostra de tudo aquilo que há na nossa região, como o setor agrícola que é muito importante e está aqui bem representado.

Esta é uma feira que marca o final das colheitas e que já acontece nesta vila há muitos anos.”

Mas este é um certame que pretende ir além-fronteiras. Para isso, está a ser firmado um protocolo de geminação com a cidade de Grolé em França, avança ainda o autarca:

“Hoje fizemos uma reunião de trabalho no sentido de avançar com um protocolo de geminação para podermos fazer um intercâmbio entre os concelhos de Mogadouro e Grolé em França.

A parte comerciar está na nossa linha da frente, assim como o turismo, o desporto, ou seja, tudo fará parte deste protocolo que estamos a iniciar para que as duas cidades estejam definitivamente geminadas.”

Além da autarquia, também a ACISM (Associação Comercial e Industrial de Mogadouro) faz parte da organização desta feira.

Por parte do presidente, Fernando Pais, fica o desejo de, nos anos seguintes, poderem aumentar o número de expositores, reforçando que para isso é necessário isso alargar o espaço com novas infraestruturas:

“Sem dúvida que com as condições existentes não podemos ampliar mais a feira.

Temos um anteprojeto que apresentamos ao município no sentido de aumentar o número de expositores com mais infraestruturas. Temos muitas ideias inovadoras para aplicar no próximo ano.

Este certame traz pessoas de várias partes do país, assim como da vizinha Espanha. Durante estes dias, tudo aquilo que estiver ligado ao comércio está praticamente lotado.

Quanto a esta questão, o autarca mogadourense adiantou que existe um projeto para construção de uma nova nave, mas só poderá arrancar se houver financiamento da União Europeia.

A Feira dos Gorazes de 2018 conta com um investimento de 130 mil euros e do programa fazem parte espectáculos musicais diários, concurso do cão de gado transmontano, um passeio motard, degustações de queijo e provas de vinho, entre outras atividades.

Escrito por ONDA LIVRE

Veja o cartaz:

Feira-dos-Gorazes-Mogadouro-2018-cartaz

Relacionados

Comentar