Exposição da Guerra do Ultramar

Uma exposição de sentimentos e memórias.

Há 50 anos que teve início a guerra do Ultramar e para marcar esta data, o Núcleo da Liga dos Combatentes de Macedo de Cavaleiros expôs no Centro Cultural fotografias das colónias de Angola, Guiné e Moçambique.

O presidente do núcleo, António Baptista, diz que estas fotos representam a mocidade perdida dos militares. 

Ouça aqui: Exposição Guerra do Ultramar 1 

Num olhar pelas fotos, António Baptista, um dos protagonistas, recorda os colegas e afirma que, na guerra, só se vivem maus momentos.

Ouça aqui: Exposição Guerra do Ultramar 2 

Esta exposição do Núcleo da Liga dos Combatentes de Macedo de Cavaleiros vai estar patente no Centro Cultural de Macedo até 3 de Dezembro.

Por: Lídia Martins

Relacionados