Autarcas juntos para desenvolver o território abrangido pelo IC5

Nove autarcas do eixo do IC5 juntaram-se para pedir o desenvolvimento dos territórios em torno desta via. Reivindicam a ligação do IC5 a Espanha e ainda a construção de áreas de serviço e descanso.

A primeira reunião aconteceu ontem em Miranda do Douro e juntou os autarcas, além de Miranda, de Alfândega da Fé, Mogadouro, Carrazeda de Ansiães e Freixo de Espada à Cinta.

Discutiram-se os principais problemas do território e traçaram-se os objectivos de criação de infra-estruturas e desenvolvimento económico, como refere Artur Nunes, presidente do município de Miranda do Douro

 reduzido 3

“Este reunião tem várias componentes. Foi destacada a questão das infraestruturas, como a conclusão de ligações (como até Mogadouro) e da ligação a Espanha.

Outra necessidade específica é uma área de descanso, e a rede móvel, que é um pedido comum a todos os municípios.

Outra prioridade, é a promoção turística de todo o território no perímetro do IC5.”

Apesar de não terem estado presentes nesta reunião, estão também com esta causa os autarcas de Murça, Alijó, Torre de Moncorvo e Vimioso.

Esta foi a primeira reunião de uma série de outras previstas com estes nove autarcas com vista a encontrar estratégias de desenvolvimento para os municípios junto ao traçado do IC5.

Informação CIR (Rádio Brigantia)