Estação dos CTT de Vila Flor deverá voltar a abrir portas

Estação dos CTT de Vila Flor deverá voltar a abrir portas

O presidente da Câmara de Vila Flor ficou satisfeito com a possibilidade de reabertura da loja dos correios na vila, que está encerrada há cerca de meio ano.

O presidente da Comissão Executiva dos CTT, João Bento, disse esta semana no parlamento que a empresa não vai encerrar mais lojas e vai reabrir algumas. A de Vila For deverá ser uma delas.

O autarca, Fernando Barros, diz que é louvável o reconhecimento do erro, bem como o anúncio da reabertura da loja:

“Agora é preciso concretizá-la e eu espero que a estação dos CTT de Vila Flor reabra para  o bem das pessoas e da própria empresa, porque é junto dos clientes que ela tem que estar. As criticas e as queixas têm sido muitas e eu fico satisfeito por isto. Louvo o governo e a própria empresa pela atitude, agora vamos esperar que se concretize.”

Apesar da possibilidade de reabertura da loja dos CTT de Vila Flor, a câmara continua com um processo em tribunal contra a empresa:

“Nós continuamos com recurso no tribunal, já ganhamos na relação que nos deu-nos razão. O processo continua e nós só vamos terminar quando a estação reabrir.”

Por outro lado, a Câmara de Vila Flor mantém a intenção de ter os serviços dos correios no balcão de atendimento dos serviços municipais no Centro Cultural, para o caso de a estação dos CTT não reabrir:

“As obras estão a concurso e nós vamos realiza-las no Centro Cultural. Vamos instalar lá o balcão de atendimento dos serviços que englobaria o espaço para os CTTs. Uma coisa não tem a ver com outra.”

Fernando Barros reconhece ainda que o encerramento de balcões dos CTT acabou por causar transtornos aos municípios e aos autarcas abrangidos, e que a medida agora anunciada só vai atenuar se for implementada rapidamente.

INFORMAÇÃO CIR (Rádio Ansiães)

Relacionados

Comentar