Macedo de Cavaleiros dispõe a partir de agora do primeiro campo de Padel do distrito de Bragança

Macedo de Cavaleiros dispõe a partir de agora do primeiro campo de Padel do distrito de Bragança

Embora ainda não haja muitos praticantes da modalidade no concelho, o presidente da câmara, Benjamim Rodrigues, acredita que vão surgir:

“Há entusiasmo para a prática do Padel, que é um desporto em crescendo no nosso país.

Brevemente haverá mais campos no distrito mas até agora é o primeiro.

É um desporto diferente e as pessoas vão querer praticar por ser uma novidade e ser muito saudável.”

Foi contruído no lugar de um antigo polidesportivo na Rua Duarte Moreno e ao lado foi feito também um campo de basquetebol. No conjunto, as duas estruturas custaram à Câmara cerca de 50 mil euros.

Foram inauguradas esta manhã, assim como a ciclovia urbana, que corresponde à fase 1 do projeto Bicity, que mais tarde vai ligar a uma ecovia maior até Bragança e Mirandela, pela antiga linha de ferro.

Benjamim Rodrigues espera que essa segunda fase do projeto possa sem contemplada com fundos do Portugal 2030:

“Está a ser negociado no 2030 e uma das previsões é que haja investimento precisamente na área da sustentabilidade ambiental, por exemplo, que engloba este tipo de investimentos.

Será uma continuidade do que era o passado mas agora numa perspetiva de futuro, saúde, lazer e convívio.”

Presente em ambas as inaugurações esteve a Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Isabel Ferreira, que vê nestes investimentos formas de promover a atividade física, e ao mesmo tempo renovar o património:

“Temos duas infraestruturas que fomentam um estilo de vida que agora todos nós queremos, mais saudável e sustentável.

Permitiu haver regeneração urbana pois houve recuperação de infraestruturas que estavam ao abandono, portanto, é tudo positivo.

Com toda esta dinâmica aqui em Macedo, associada também às praias do Azibo, que são referências enormes no nosso país, dá a este território do interior uma nova centralidade.”

A fase um do projeto Bicity, a ciclovia urbana, custou quase 700 mil euros, comparticipados em 85% por fundos comunitários.

Escrito por ONDA LIVRE

IMG_1077

IMG_1090

IMG_1098

IMG_1102

IMG_1104

IMG_1106 IMG_1111     IMG_1135 IMG_1143

Relacionados