Associação Filarmónica Recreativa e Cultural do Brinço celebra 115 anos

Associação Filarmónica Recreativa e Cultural do Brinço celebra 115 anos

(Brevemente a reportagem em vídeo)

Fundada no século XX, conta com 45 elementos, que se deslocam por todo o Nordeste Transmontano para festas populares e realização de concertos. Com um espaço próprio na aldeia do Brinço, concelho de Macedo de Cavaleiros, esta associação tem ainda a valência de escola de música.

Duarte Silva é presidente deste grupo há cerca de 15 anos e refere a importância desta banda filarmónica para o concelho e arredores:

 

“É extremamente importante para a população do Brinço pois numa aldeia pequena não é fácil manter uma banda destas.

É uma banda importante para o nosso concelho porque na escolinha de música temos crianças de Macedo e Mirandela. Para além de aprenderem música, também aprendem a estar com outras crianças e conviver, pois na maior parte das festas em que participamos vamos comer a casa das pessoas e há convivência entre as diferentes faixas etárias. Acho que é uma escola para a vida.”

 

No sábado, a aldeia encheu-se de música e convívio para celebrar a data. Presentes estiveram ainda outras bandas filarmónicas que ajudaram a fazer a festa:

 

“Convidamos a nossa vizinha banda de Lamas e ainda a da Cumieira, no concelho de Santa Marta de Penaguião, o que foi ótimo pois animaram a nossa terra.”

 

Atualmente, o membro mais novo da  Associação Filarmónica Recreativa e Cultural do Brinço tem apenas oito anos, sendo que o mais velho ronda os 75 anos. “Uma família”, diz quem por lá passa.

Escrito por ONDA LIVRE

 

 

Relacionados

Comentar