“Anéis”: a exposição de escultura que pode ser visitada em Macedo até agosto

“Anéis”: a exposição de escultura que pode ser visitada em Macedo até agosto

Até 31 de agosto, o Centro Cultural de Macedo de Cavaleiros tem patente a exposição “Anéis”, de Paulo Neves.

Um trabalho que teve origem numa árvore centenária, como conta o escultor:

“Esta exposição tem a ver com outra exposição que já foi apresentada há bastante tempo, à qual dei o nome ‘Anéis’. Surgiu de uma árvore centenária que teve uma doença e secou e foi toda recortada aos poucos. Estava num jardim em Vila Nova de Gaia. Na altura, fiz uma instalação com cerca de 100 peças.

Levei a exposição a Lisboa, ao Porto, Zurique e Hamburgo. Sobraram as peças que hoje podem ser vistas aqui e que dedico ao meu amigo António Figueiredo.”

 

Paulo Neves sublinha ainda que a pandemia em nada tem afetado a concretização das suas obras:

“Eu tinha uma grande encomenda para Aveir,o de arcanjos com cerca de dez metros de altura, a rondar as 130 toneladas de mármore, o que me fez estar ocupado. Vivo numa aldeia e os ateliers são perto de casa, portanto tenho ultrapassado as várias fases da pandemia a trabalhar.”  

 

Recordo que o Centro Cultural macedense está aberto de segunda a sexta-feira e ao sábado, em dias de
espetáculo.

 

Escrito por ONDA LIVRE 

IMG_8124 IMG_8126 IMG_8129

Relacionados