Avaliadores da UNESCO estão esta semana no território a reavaliar o Geopark Terras de Cavaleiros

Avaliadores da UNESCO estão esta semana no território a reavaliar o Geopark Terras de Cavaleiros

No terreno estão dois avaliadores a verificar se o trabalho desenvolvido ao longo dos últimos quatro anos foi bem feito e se merece continuar com o selo da UNESCO, explica a Coordenadora Executiva do geoparque, Antónia Morais:

“Este processo de avaliação do geoparques acontece de quatro em quatro anos, fazemos um projeto em que dizemos aquilo que foi feito nesse tempo até agora, enviamos, e depois a UNESCO destina-nos dois avaliadores que não sabemos quem são. Neste caso é um croata e um francês. Nós propomos um programa para estes quatro dias, que eles aceitaram, e como tal vamos andar em campo para verem o que fazemos com as escolas e com os grupos de turistas que nos visitam.

No fundo, é mostrar nesses dias aquilo que o geoparque tem sido ao longo destes anos.”

Esta é a segunda vez que o Geopark Terras de Cavaleiros é reavaliado. Antónia Morais está confiante de que o parecer será positivo:

“Estamos confiantes de que temos tudo bem no território, temos desenvolvido um bom trabalho, e apesar destes dois anos de pandemia, nunca parámos.

A nível educacional houve um abrandamento porque as escolas não podiam sair, mas tivemos um aumento grande a nível de turistas, portanto, uma coisa compensou a outra.”

A partir desta semana o geoparque já está a funcionar na nova sede, que fica agora no renovado antigo edifício da Estação Ferroviária de Macedo.

No entender da coordenadora, o novo espaço vai trazer mais-valias:

“Traz vantagens porque temos um auditório, é mais fácil congregar os alunos, é mais eclética e mais nova.

Nós lá tínhamos a capacidade para 30 alunos sentados e aqui temos para o dobro ou mais, portanto, é mais fácil para nós.

Neste momento estamos abertos das 9h às 17h, com já estávamos nas antigas instalações. Depois, pontualmente, e até porque vamos ter uma Bienal de Arte Contemporânea que vai decorrer parcialmente aqui, vamos ter algumas situações em que vamos abrir à noite e em alguns fins de semana, com animação.”

O processo de reavaliação do Geopark Terras de Cavaleiros começou ontem. O parecer só é conhecido em setembro, altura em que o geoparque completa oito anos desde que recebeu a chancela UNESCO.

Escrito por ONDA LIVRE

Receção dos avaliadores:

IMG_0902

IMG_0906

IMG_0919 IMG_0922

IMG_0926

IMG_0931

IMG_0891

IMG_0893

Nova sede:

IMG_0923

IMG_0894

 

IMG_0888

IMG_0885

IMG_0884

Relacionados

Comentar