Café assaltado esta noite em Macedo de Cavaleiros

Café assaltado esta noite em Macedo de Cavaleiros

Rui Pacheco, proprietário do estabelecimento, conta que, esta manhã, quando chegou ao local, se deparou com a porta arrombada e percebeu que algo havia acontecido:

“Cheguei às 8h da manhã para abrir o estabelecimento e já estavam cá dois miúdos da escola. A porta estava arrombada, e quando entrei vi as luzes acesas. Foi quando me apercebi do cenário de quase total destruição. As máquinas estavam todas partidas e levaram tudo o que encontraram, desde a faturação do dia anterior até ao dinheiro da caixa, uma torre do sistema de faturação, dinheiro da máquina de setas, matraquilhos, moedeiros dos bilhares, batatas fritas, gomas. Tudo  o que conseguiram.”

 

Segundo as autoridades, até ao momento, este foi o único caso reportado. O lesado contabiliza agora os prejuízos e refere não ter qualquer suspeita dos autores do assalto:

“O valor da faturação foi na ordem dos 200€, mas quanto ao que levaram das máquinas não tenho noção do valor porque estão à exploração. 

Já tentaram assaltar este local, na altura ainda eram 100 stress, mas não conseguiram porque o horário era totalmente diferente e nós estávamos lá dentro. À segunda foi de vez.

Não desconfio de ninguém, este é um estabelecimento praticamente frequentado apenas por estudantes e não me deparei com nenhum cliente fora do habitual. O que é estranho é eu ter estado de férias e o estabelecimento encerrado, como se costuma dizer à mão de semear, e não foi assaltado.”

 

O caso foi entregue à GNR e o local está vedado para investigação.

 

Escrito por ONDA LIVRE 

IMG_3359

Relacionados

Comentar